• Clara Ramos

Ser uma marca consciente e responsável é a mesma coisa que ser uma empresa sustentável?

Já ouviu falar que uma marca é sustentável pelo fato de ela agir com consciência em seus processos? Ou por ser responsável com seu impacto ambiental? Quem nunca né!


Precisamos deixar claro que uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. Vamos entender as diferenças e as semelhanças para podermos falar com propriedade na hora de definir a atuação de uma marca.



Marca consciente é sustentável?


Agir de maneira responsável nem sempre indica que a empresa é sustentável ou age com foco na sustentabilidade, ela pode valorizar seus colaboradores e ser transparente em sua comunicação mas usar uma matéria prima cultivada com agrotóxicos, por exemplo.


Uma marca consciente precisa atuar com responsabilidade em todos os seus processos, desde o contato com colaboradores, compras, produção até a venda, passando por toda a logística e transporte. Esse é um dos pontos principais para que a marca que se autointitula como consciente tenha um discurso coerente e verdadeiro.


Explicamos nesse post mais sobre a moda consciente, o que é e como aplicá-la em sua vida.



Marca sustentável é consciente?


Em contra partida, uma marca que age em prol da sustentabilidade é uma empresa consciente de seus impactos, na maioria gritante das vezes.


Para que a empresa adote uma medida sustentável e ecologicamente correta ela precisa primeiro estar ciente de seus impactos, para isso é necessário analisar todos os pontos e todos os gargalos dos processos realizados. A partir daí a marca pode construir maneiras de solucionar esses impactos, tanto os que já foram quanto os que serão ainda causados pela empresa e seus produtos, e então aplicar essas soluções em sua realidade.


Exemplos de empresas sustentáveis são aquelas que:

  • adotam medidas e processos ecologicamente corretos em toda sua cadeia produtiva

  • preferem optar por matérias primas orgânicas e naturais

  • visam preservar recursos naturais como prioridade

  • são veganas (sem matérias primas de origem animal e que não realizam teste)

  • promovem um desenvolvimento economicamente sustentável

  • realize alguma ação que reduza ou elimine o seu impacto ambiental

Esses termos são constantemente confundidos entre si, muitos acham complexo e preferem ignorar o assunto, o que acaba banalizando os significados por trás dessa "complexidade". Precisamos normalizar essa reflexão, ela é muito importante para a mudança de hábitos de consumo que a moda pede, vamos preferir comprar de marcas conscientes e sustentáveis que comprar de marcas que causam grandes impactos e fecham os olhos para as soluções possíveis.


Vale falar que não estamos querendo dizer que um dos dois está mais certo ou não, estamos aqui para desmistificar esses conceitos, explicar os significados e abrir portas para hábitos mais responsáveis.


O que você acha sobre isso? 🤔


Segure a gente no instagram para ver mais conteúdos


Um beijo,

Clara ramos